Menu

sábado, 6 de junho de 2015

Uma Garota, Vários Problemas! - O Projeto Rosie


"O argumento dela foi simples: existe alguém para todo mundo. Do ponto de vista estatístico, quase com certeza ela estava certa. Infelizmente, a probabilidade de eu encontrar essa pessoa era minúscula. Mesmo assim, aquilo gerou um incômodo no meu cérebro, como um problema matemático que sabemos que deve ter solução."

Fazia muito tempo que tinha ele e não estava conseguindo ler. Mas coloquei ele no nosso desafio de leituras e também já estava querendo mudar um pouquinho as minha leituras atuais.
E "O Projeto Rosie", Editora Record, do autor australiano Graeme Simsion, veio no momento certo! Fazia muito tempo que não lia um romance, e esse foi excelente.
O livro todo é narrado pelo personagem, Don Tillman, um professor de faculdade de Génetica que apesar de ser tão bonito quanto Gregory Peck e super musculoso, tem um sério problema com relações sociais, principalmente com mulheres.
Ele é todo problemático! Tem TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo), é totalmente organizado - se ele não comer no horário certinho, já pensa que vai ter que mudar todos os seus próximos compromissos - além de não ter quase nenhum amigo (ele considera somente três). Sem contar o pior de todos (?): toda vez que conversa com uma mulher, acaba falando alguma besteira e acabando com o encontro.
Então ele faz a coisa mais óbvia que alguém faria: o Projeto Esposa! Claro, todo mundo teria essa ideia. O que é o Projeto Esposa? Simplesmente são dezenas de perguntas para as possíveis de Don responderem. Tem pergunta desde de bebida até comida, fumar, se atrasar, execícios, entre tantas outras. A mulher que responder tudo dentro do correto ou aceitável é a esposa perfeita...
O único problema é que não é tão fácil assim, pois todas que podem ser perfeitas tem algum problema, ou Don novamente fala ou faz alguma coisa idiota.
Até o dia em que Rosie entra na sala dele. Mas quem é ela? Seria ela uma candidata? Sem nem mesmo saber, ele a convida para jantar. Enquanto conversam durante o "encontro", Don descobre que Rosie não sabe que é seu pai, e juntos vão procurar possíveis pais e DNAs. O único problema, é que Rosie não encaixa na maioria das categorias. Ela fuma, bebe bastante, é vegetariana, além de ser toda descolada e barmen.
A partir disso, os dois entrar numa caminhada bem louca e diferente de tudo que Don já passou. Viagens, intrigas, romance, brigas, choros, risadas e muito bebida!
Vamos falar agora um pouquinho dos personagens... Don, até metade do livro, é um cara extremamente irritante. Como já tinha dito no Enigma da Borboleta, personagens com TOC e problemas parecidos me deixam bem irritada. Com certeza, a entrada de Rosie no livro muda todo o desenrolar. Ela é totalmente engraçada, livre e com uma personalidade muito forte, e adoro personagens de personalidade forte.
A capa é linda e tem tudo a ver com a história. A bicicleta, o drink, o microscópio, o camarão, tudo! E isso só completa mais a história.
Uma boa recomendação para quem gosta de romance!

Até a próxima e boa leitura!
Carol!

4 comentários:

  1. eu to com esse livro aqui pra ler mas tem tantos outros pra ler tb que sempre deixo esse por ultimo! mas do msm jeito vou arranjar aqui pra ler esse logo!
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estava enrolando com ele, mas ele me surpreendeu.
      Bjs!

      Excluir
  2. UALL
    não li esse ainda, e depois da sua resenha, nem sabia que tinham personagens com TOC e é diferente, então do que eu havia imaginado... bem diferente!
    parece fofo também hehe
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O personagem principal tem TOC, e é bem interessante, mas também algumas vezes irritantes.
      Ele também é bem fofo.
      Bjs!

      Excluir