Menu

sexta-feira, 29 de julho de 2016

Mais Um Desafio Vencido: O Velho e o Mar


"- Não seja estupido - disse em voz alta. - Não adormeça e preste atenção ao leme. Ainda pode ser que venha a ter muita sorte. Gostaria de comprar um pouco de sorte se houvesse algum lugar onde a vendessem."

Meu primeiro livro de Ernest Hemingway, "O Velho e o Mar", me encantou de todas as maneiras possíveis!
Estava na minha lista de desafio de 2016 e confesso que me encantei. Uma história linda, um personagem sábio, um cenário mágico.
Poucos escritores tiveram uma influência tão marcante na literatura do século XX quanto Hemingway. Suas frases são curtas, os diálogos secos. Como os neo-realistas fizeram no cinema, Ernest extirpou da prosa literária tudo aquilo que não considerava essencial.
"O Velho e o Mar" narra a história do velho Santiago, um pescador cubano que há dias não consegue pescar nada, voltando sempre de mãos vazias. Desesperado, decide se aventurar mais longe, nas águas do Golfo. É uma completa solidão, uma luta gigante que ele travará durante três dias, quando consegue um marlim, um imenso peixe, um animal quase mitológico, que lembra um ancestral literário, a baleia Moby Dick.
É uma luta pela sobrevivência, um confronto com nossos próprios limites.
O livro é escrito em um único capítulo, e também é o último romance de Hemingway. O escritor ganhou o Prêmio Nobel em 1954 e se suicidou em 1961.
É um livro bem fácil de ler, e a solidão de Santiago diversas vezes passa a ser nossa também.
Um livro que aflora a luta do ser humano com seu maior rival: ele mesmo. Uma viagem de superação e conhecimento.
E tem uma frase do velho que sempre levarei comigo:

"Um homem pode ser destruído, mas não derrotado".


Recomendo muito!!
Cláu Trigo

23 comentários:

  1. Ola
    eu noa comhecia a premissa desse livro, mas é inegavel de que é muito interessante e com certeza gostaria de ler. Seus comentários mostraram que deve ser bem empolgante e espero poder ler logo. Obrigada pela bela recomendação. Agora uma pergunta: adquiriu onde?
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oi, já li alguns livros de Hemingway e ainda não consegui ler esse livro. Estou com esse título na minha lista há muito tempo. Nossa, que surpresa boa saber que as emoções do personagem podemos sentir... adoro quando isso acontece. Vou colocá-lo na minha lista de leituras urgentes.
    Até mais

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Nunca li nada do autor e tenho grande curiosidade para ler esse. Gosto de histórias que se passam no mar.
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas - Participe do nosso SORTEIO do DIA DOS PAIS <3 Warcraft + A Princesinha de Vader

    ResponderExcluir
  4. Sempre quis ler algo do Hemingway, e acho muito bonito esse título, O Velho e O Mar. Tenho muita vontade de ler, mas não conhecia a história. Agora que li sua resenha minha vontade aumentou exponencialmente. Parece ter muitos fluxos de pensamento. Adorei sua resenha. Concisa e clara. Parabéns!
    Check-in Virtual

    ResponderExcluir
  5. Eu sou fascinada por esse livro mesmo sem nunca tê-lo lido. Conheço o filme e gosto bastante, como sei que os livros são sempre com mais detalhes e intensidade, sei que esse livro é muito bom e a premissa dele é maravilhosa. É uma pena que ele seja tão pouco procurado e até me envergonho por nunca ter lido.

    ResponderExcluir
  6. Oi Cláu!
    Não conhecia o livro, mas fiquei impressionada com a mensagem que ele traz. Esse quote que você postou, me arrebatou de uma forma que não te conseguiria explicar. Adoro histórias assim, que trás essas reflexões e um conhecimento. Não sabia que o autor tinha se suicidado, a história fala sobre a solidão e como lidar consigo próprio e eis que após um tempo o autor se mata. Impossível pra mim não ter feito essa correlação.
    Enfim, belas palavras.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Cláu,
    Achei muito tocante a forma como você falou do livro e é notável como ele te marcou. Acredito ser inevitável não sentirmos a solidão de Santiago, principalmente, porque ela parece bastante palpável.
    Essa última frase mais do que me convenceu a ler essa obra para ontem. Mal posso esperar para ler, acredito que irei amar.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Nunca li o livro, mas tenho bastante vontade de ler.
    Fiquei bem curiosa pelo livro ter apenas um capítulo, mas infelizmente não lerei ele tão cedo por ter outras prioridades.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Nossa, em um único capítulo? Será que não fica cansativo?
    Eu tenho um TOC, só consigo parar a leitura quando chego ao final de um capítulo...não sei o que faria lendo um livro sem capítulos! hahahah
    Mas sendo do autor que é até vale a tentativa!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Amei a premissa, acho que é muito legal o enredo. Tenho um amor pelo mar que é inexplicável e acho que vou amar esse livro, ainda não conhecia ele e também o autor não me recordo. Espero ler, amei o livro :)
    Beijinhos
    http://followyourdreamalways.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li nada do autor, mas ele é um dos que estão na minha lista para conhecer a escrita, em função dos elogios que já li de suas narrativas. Adorei saber mais um pouquinho dele aqui.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Hey!
    Eu nunca li nem ouvi falar sobre essa obra, Moby Dick já, mas nunca tive o interesse de ler. E sinceramente, continuo não tendo. Apesar de parecer interessante o enredo, não fiquei curiosa o suficiente para me arriscar. Quem sabe um dia? Porém, ao saber que o escritor ganhou um nobel, imagino que deva ser uma escrita muito boa.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. olá!
    Acho Hemingway um autor incomparável! Esse livro não li ainda mas não duvido que seja bom, o cara é genial! Dica anotada! Parabéns pelos comentários!
    Bj

    ResponderExcluir
  14. Livros que relatam a superação mexem muito com o psicológico do leitor.

    Quando você disse "Um livro que aflora a luta do ser humano com seu maior rival: ele mesmo." me deixou com uma pontada de curiosidade em conhecer a história. Pode ter certeza que acatarei sua dica!

    Adorei sua opinião. Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Oo, tudo bem? Eu tenho esse livro na estante mas confesso que nunca tive a curiosidade de ler. Vendo sua resenha agora vi que está na hora de mudar isso pois ele parece ter um enredo bem interessante.
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu nunca li nada do autor, mas sabe que fiquei interessada nessa obra?
    Achei a premissa interessante, o único ponto que me incomoda na história é o fato de ser escrito em um único capítulo. Tenho medo de ficar cansativo... mas acho que se o escritor ganhou um Nobel, o livro dele merece ser lido né?!
    Adorei a resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Personagem sábio e cenário mágico são características suficientes pra que eu anote essa dica.Gosto também de diálogos breves e escrita fluida.
    Não conhecia o autor, mas adorei a sugestão.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  18. Olá! Não conhecia o autor, a premissa não me chama muita a atenção, mas sua resenha é muito relevante, fez com que minha curiosidade sobre o livro surgisse, anotei a dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  19. Olá, a muitos anos atrás eu achei esse livro na biblioteca da minha escola e comecei a leitura dele, mas infelizmente abandonei, mas tenho vontade de tentar novamente, acho que eu não estava no clima e nem na idade para ele antes, mas agora irei aproveitar a leitura.

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Gosto muito de histórias com temas de superação e autoconhecimento. Não conheço o autor, mas fiquei muito interessada em ler "O velho e o Mar", pois me pareceu uma história muito rica. Obrigada pela dica! Bjos

    ResponderExcluir
  21. Oi, confesso que esse livro não faz parte dos meus interesses. Acredito que para quem gosta de leituras diferentes, esse é um ótimo livro... principalmente por você ter falado que suas frases são curtas e diálogos curtos,e que retrata uma luta importante porque muitas vezes o maior inimigo são nós mesmos... Dessa vez eu passo a dica, mas que bom que foi uma boa leitura para você!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  22. Nossa, ele se suicidou, eu não sabia. Então imagina-se o quanto dele ele não colocava nestas páginas e em meio a este pescador que ficou estes dias no mar à procura de um peixe. Poxa, isto me impressionou e sei que é um dos livros mais marcantes da literatura.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  23. Oi, tudo bem?
    Eu sempre tive curiosidade para ler esse livro, ele é muito intrigante e fiquei bem feliz em ver que você gostou e indica. Acho o enredo dele muito curioso e adorei a mensagem que ele trás. Vou ver se consigo ler esse ano ainda.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir