Menu

segunda-feira, 30 de abril de 2018

Resenha Atrasada - Sala dos Homicídios


" - O pior é que eu não posso me lamentar, não abertamente. Não há ninguém com quem eu possa falar sobre Neville. As pessoas ouvem os comentários sobre a morte dele e especulam. Naturalmente ficam chocadas e parecem genuinamente sentidas. Mas também ficam excitadas. A morte violenta é horrível, mas é também intrigante. Ficam interessadas. Vejo isso em seus olhos. O assassinato corrompe, não é verdade? Acaba com mais coisas do que somente uma vida. "

Todos vocês já sabem que o meu gênero preferido é o policial e o tempo todo estou querendo conhecer novos autores e escritas diferentes.
No começo do ano ano, quando estava escolhendo os livros que leria para o desafio, fiquei bem interessada nas histórias da P. D. James e acabei escolhendo "Sala dos Homicídios", Editora Cia das Letras.
A autora inglesa, durante a II Guerra Mundial, trabalhou na Cruz vermelha e no Serviço de Segurança Britânico. Depois, entrou para o Departamento de Polícia do Ministério do Interior (e ainda recebeu da rainha Elizabeth o título de Baronesa James of Holland Park)! Usando de todo o conhecimento que adquiriu durante esses anos, P. D. James irá escrever uma história que a princípio deveria ser envolvente e enigmático mas, não achei tudo isso...
Em Hampstead Heath, no pequeno museu Dupayne, existe uma Sala dos Homicídios, local onde estão expostos os crimes mais famosos da década de 20 e 30, o período do entre guerras, porém a tranquilidade daquele local é ameaçada quando uma série de assassinatos acabam envolvendo os funcionários do museu. O corpo de um dos filhos do fundador é incinerado: assassinato? suicídio? Dentre essas questões, o detetive Adam Dalgliesh percebe que a morte lembra um caso da Sala dos Homicídios, ou seja, alguém está recriando os famosos crimes da sala!
Vamos lá! Vou dizer as coisas que não curti tanto na história. Primeiro que o livro tem quase 500 páginas e a história vai MUITO devagar. Demora quase a metade do livro para aparecer a primeira vítima, e demora um absurdo para a polícia chegar em algum ponto.
São mais de 200 páginas só apresentando os personagens, e olhem que são VÁRIOS! Esse foi outro problema para mim: são tantos personagens que é difícil lembrar de todos e saber quem é quem. E achei que a autora demorou muito só narrando vários e vários capítulos desses personagens, e na minha opinião, sem muito motivo. Para mim ela enrolou demais para chegar na questão que os leitores querem ler logo: o(s) assassinato(s) e a investigação.
O detetive Adam Dalgliesh é bom, mas nada fora do comum. Depois que conhecemos Harry Hole (personagem dos livros do Jo Nesbo), Jane Rizzoli (personagem dos livros da Tess Gerritsen), Mikael Blomkvist e Lisbeth Salander (personagens da trilogia Millennium, do Stieg Larsson, mesmo eles não sendo "detetives") e Ryan Owen (do livro "Eu Vejo Kate" da Cláudia Lemes, que em breve terá resenha aqui no blog), o leitor não fica muito entusiasmado com um detetive mediano como o desse livro.
A conclusão do caso é bem simples, não é nada muito surpreendente. E tem uma questão de romance do detetive Adam com uma moça, mas que achei sem nexo nesse livro. Mas isso se deve por esse ser o 12º volume da série que leva o mesmo nome do personagem. Sempre faço isso quando começo uma série policial - sempre pelo último ou pelo meio. Fazer o quê...
O que achei mais interessante foi os assassinatos serem iguais ou bem parecidos com os casos dos anos 20 e 30, que estão apresentados no museu. Porém, não sei se foi o suficiente para deixar a leitura boa e interessante.
Portanto, não sei se comecei pelo livro/volume errado ou se a série não é tudo isso mesmo. Mas acho que vocês deveriam dar uma chance e tirarem as próprias conclusões. Só não sejam como eu, e comecem pelo livro certo e sigam a ordem correta, rsrsrs. Para não ocorrer erros, deixarei a ordem dos livros (a correta!).

      1. O Enigma de Sally;
      2. Mente Assassina;
      3. Causas Nada Naturais;
      4. Mortalha Para Uma Enfermeira;
      5. A Torre Negra;
      6. Morte de Um Perito;
      7. Um Gosto Por Morte;
      8. Não foi traduzido;
      9. Pecado Original;
      10. Uma Certa Justiça;
      11. Morte no Seminário;
      12. Sala dos Homicídios;
      13. O Farol;
      14. Paciente Particular

Só um último comentário: adoro essa coleção da da Cia da Letras, com as folhas coloridas. Quem puder comprar esses livros, comprem, pois são muito bonitos!

Até a próxima e boa leitura!
Carol!!!

34 comentários:

  1. Nossa! Já fiz isso também!
    Começar um livro e só depois de umas 250 paginas lidas, descobrir que o livro, nada mais é do que o segundo!
    E isso foi com stephen King! Livros de quase 800 páginas!
    Imagine meu desespero?! huahuahuauha
    Não conhecia essa obra nem a colação da Cia.
    Fiquei bastante interessada!
    Vou verificar direitinho e ler!
    Obrigado pela dica e pela resenha!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana!
      Nada, não sabe como fico brava comigo mesma por não ter pesquisado antes... Isso, normalmente, atrapalha muito a leitura.
      Meu deus! E eu reclamando de 500 páginas, rsrs.
      Muito obrigada pelo comentário!
      Bjss

      Excluir
  2. Ahhh, eu estava lendo crente que viria uma grande trama e você fala que infelizmente não acho tudo isso rsrs. Mas vou dizer que me convenci do que você na hora em que li que "500 páginas" e "muito devagar", essas duas coisas juntas já são o suficiente para eu abandonar a leitura ou nesse caso passar a dica. Narrativas que não agregam a trama é outro ponto que nenhum leitor merece, infelizmente eu fujo desse livro.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Acontece, rsrs. Quando o livro é grosso, a leitura tem que ser fluída, senão dificulta o avanço.
      Obrigada pelo comentário!
      Bjss

      Excluir
  3. Nossa, pelo título parece ter uma história e tanto, que pena que não é muito surpreendente. Você começou a ler já pelo meio e eu já não consigo fazer isso.
    Não pretendo ler, mas ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol!
      Eu também não deveria fazer isso, mas algumas vezes estou tão interessada no livro que esqueço de procurar a ordem da coleção e ai me ferro, rsrs.

      Excluir
  4. Oi, Carol

    É por isso que não gosto de ler livros do gênero fora de ordem. rss
    Pode acontecer da gente pegar o espírito da coisa, mas em séries grandes os autores geralmente vão desenvolvendo os personagens e quando a gente entra no meio do caminho sente falta de várias coisas.
    Por isso que eu estou adiando a leitura dos livros do Jo Nesbo...
    Que pena que você teve essas ressalvas, confesso que eu não leria não, não gostei nem da capa.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tamires!
      Exatamente! Mas algumas estou querendo tanto ler o livro, que esqueço de procurar a ordem, e ai já viu...
      Eu AMO a escrita do Jo Nesbo. Já li dois livros dele, também fora de ordem, rsrs. Mas no caso dele, não me atrapalhou...
      Muito obrigada pelo comentário!
      Bjss

      Excluir
  5. Olá,

    Amo leituras enigmáticas do tipo que me faz criar inúmeras hipóteses sobre o que está realmente acontecendo. Não conhecia essa obra ainda, porém achei essa premissa interessante e anotarei a dica para quando a oportunidade surgir.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que bom que gostou do enredo. Vai que você gosta mais do que eu?
      Bjss

      Excluir
  6. Tenho muita vontade de ler os livros da P. D.! Adorei que você colocou a ordem certinha da série <3 Uma pena o detetive ser tão mediano... Realmente, quando conhecemos Lisbeth, Harry e Jane, fica difícil não comparar e querer sempre que os detetives sejam super bem construídos.
    De qualquer forma, quero ler também! :D

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabrielly!
      Já coloquei para quem for ler não fazer a mesma besteira que eu, rsrs. Isso mesmo! Depois que li os livros do Jo Nesbo, da Tess, do Stieg Larsson, fica difícil gostar de romances policiais mais medianos.
      Muito obrigada pelo comentário!
      Bjss

      Excluir
  7. Olá!
    Não conhecia essa autora e mesmo o pano de fundo não ter me chamado tanta atenção, gostei de ver que tem boas reviravoltas. Não sei se leria por ser bem extensa e no momento estar agarrada com várias séries. Mas não descarto a possibilidade de conferir mais pra frente.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila!
      Além de ser grosso, ainda é uma história mais lenta, então quando for ler, tem que estar na vibe.
      Bjss

      Excluir
  8. Oi! Também amo romance policial e fiquei logo empolgada com o título do livro, porém a empolgação foi diminuindo a medida que fui lendo a resenha. É ruim demais ler muitas páginas sem chegar a ápice nenhum, imagina ter que esperar isso tudo de página pra primeira morte? Eu gosto é do estrago!! Mas se por acaso tiver a oportunidade, lerei com certeza!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!
      Fico triste que a resenha tirou a sua empolgação com o livro :(
      Isso foi o que mais me deixou irritada. Demora muitas páginas para acontecer a primeira página... Sou como você, gosto de mortes, muitas mortes, rsrs.
      Bjss

      Excluir
  9. Os títulos dos livros da série são bem... "curiosos".kkkkkk...

    Eu nunca tinha ouvido falar dessa história. Gosto imenso de suspenses policiais, mas considerando os pontos negativos do livro não creio que eu leria. Não suporto histórias que ficam enrolando até chegar a algum lugar. E tendo quase 500 páginas, então! Leitura é para ser algo bom. É melhor eu apostar em outros suspenses.rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luna!
      São mesmos. Inclusive alguns despertam interesse só por causa dos títulos.
      Se você quer algo mais fluído, mais rápido, melhor apostar em outro livro mesmo, pois a história é bem devagar.
      Bjss

      Excluir
  10. Olá!
    Já li a respeito de P.D. James, mas ainda não li nenhum livro dela. Curiosamente, tenho um aqui comigo, mas não lembro qual o título ou se pertence a essa série. Vou ver o título, mas acho que mesmo assim vou arriscar a leitura por ser policial.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucy!
      Vai que outro livro dessa gigante série não seja melhor? Duvido que todos sejam parecidos com esse ou até piores, rsrs.
      Bjss

      Excluir
  11. Oiie!
    Eu já tinha lido uma coisa ou outra sobre essa série e ido conferir algumas capas e sinopses.
    Infelizmente não é um tipo de leitura que eu faria no momento.
    Passo a dica dessa vez.
    Beijos
    www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Acredito que até para os leitores de romances policias, não seriam todos que iriam gostar da obra, imagina para quem não é muito fã do gênero...
      Bjss

      Excluir
  12. Me abraça porque eu também já comecei um livro de uma serie, sem saber que era de serie... rs Quem nunca???
    Mas enfim, policial não é meu gênero favorito, mas sempre que leio um livro bom deste gênero, fico devastada.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ivi!
      Exatamente, quem nunca começou a série pelo livro errado? Acontece, rsrs.
      Quando bem escrito, o gênero policial normalmente faz isso com o leitor mesmo.
      Bjss

      Excluir
  13. Olá, tudo bom?

    Eu não conhecia a obra, mas como gosto de livros assim, achei que seria um que eu gostaria. Porém, não sei se será algo que eu vou ficar envolvida, já que você disse que metade do livro é de desenvolvimento dos personagens e são muitos, então acredito que eu ficaria de saco cheio querendo que o assassinato ocorresse logo e eu pudesse me aventurar nesse mistério. Talvez eu dê uma chance, mas será com a ordem certa, rs.

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Esse é daqueles livros para se ler sem pressa, porque a história é lenta. Mas quem sabe você não gosta mais do que eu?
      Bjss

      Excluir
  14. Oie, tudo bom?
    Não consigo ler livros com histórias muito lentas... não tenho paciência, rs. Mas o tema me interessou muito! Acho que daria uma chance :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica!
      Acho que esse livro vai muito de gosto. Espero que goste!

      Excluir
  15. Olá! Tudo bom?

    Diferente de você eu não gosto de romances policiais, e ainda não tinha ouvido falar desse livro. O fato do livro ter 500 páginas e ser parado já me deixa bem desanimada, acredito que eu desistiria. Fiquei curiosa sobre o que você falou das paginas coloridas haha. Acredito que não irei ler a obra, mas se eu fizesse eu leria a ordem ❤️

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna!
      Esses livros da Companhia são lindos, pois cada um tem suas folhas coloridas de uma cor. Eu também deveria ler na ordem, mas sou meio devagar e esqueci de ir pesquisar, rsrs.
      Bjss

      Excluir
  16. Oi oi!
    Primeiramente não sabia da existência desse livro, e depois que li sua resenha tive uma noção de sobre o que se tratava. Ademais, não me surpreendi pelo enredo, e depois de saber que temos vários personagens (que mesmo tendo outros livros, ainda era para der de fácil compreensão) acabei não gostando nada. Eu já li vários livros de séries fora de ordem e nunca senti problema em ler saltando os livros... Entende?!
    Bom, eu gostei da sua resenha pois tive uma ótima visão da obra do autor. Mesmo ficando com um pé atrás, eu acho que poderia ler ele futuramente.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alice!
      Existem séries que ler fora da ordem não atrapalha, mas nesse aconteceu isso, pois fiquei meio perdida em relação aos personagens.
      Bjss

      Excluir
  17. Olá, tudo bom?
    Uma pena que o livro tenha te decepcionado =/ Mas entendi bem o seu ponto de vista, quando lemos muito um gênero e nos acostumamos com o melhor, dificilmente um livro mediano do gênero, com um crime de fácil resolução e um romance meio jogado vai nos agradar.
    Vou dar uma chance ao autor, mas vou começar pelo primeiro livro da série rs
    Adorei a resenha e a sinceridade.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Polly!
      Sim, depois que lemos muito de um gênero, já não gostamos de qualquer livro.
      Muito obrigada!
      Bjss

      Excluir