Crítica - Capitã Marvel

Título: Capitã Marvel
Diretor(a): Anna Boden; Ryan Fleck
Distribuidora: Disney/Buena Vista
Elenco: Brie Larson; Samuel L. Jackson; Jude Law
Ano: 2019
Duração: 2h04min
Sinopse: Carol Danvers (Brie Larson) é uma ex-agente da Força Aérea norte-americana, que, sem se lembrar de sua vida na Terra, é recrutada pelos Kree para fazer parte de seu exército de elite. Inimiga declarada dos Skrull, ela acaba voltando ao seu planeta de origem para impedir uma invasão dos metaformos, e assim vai acabar descobrindo a verdade sobre si, com a ajuda do agente Nick Fury (Samuel L. Jackson) e da gata Goose.



Mais alto, mais longe, mais rápido."

Acabei de assistir "Capitã Marvel" e  do mesmo jeito que fiz com "Mulher-Maravilha", acho importante escrever o que achei do filme, comparado às minhas expectativas e também, o que senti, sendo mulher e assistindo o primeiro filme de heroína do Universo Marvel. Quero tentar comparar o menos possível com o filme da DC, mas como ambos foram importantes e até quebraram barreiras, algumas comparações vão acabar acontecendo.
Qualquer pessoa que acompanhe o mínimo do mundo geek, principalmente as notícias sobre os longa-metragens de super-heróis, sabe que "Capitã Marvel" foi rodeado de polêmicas, simplesmente porque a atriz não tinha bunda o suficiente (?) - para ler uma matéria que comenta superficialmente, clique aqui - , como se o principal para o filme ser bom é a mulher ter um corpo todo definido e que o seu uniforme seja sexualizado. Depois surgiu as críticas porque a Brie Larson não sorria (?) - para ler sobre, clique aqui. Houve também as críticas negativas no Rotten Tomatoes (um dos maiores sites de críticas internacional), antes mesmo do filme ser lançado - para saber mais, clique aqui e aqui. Os fãs não se aguentam que em pleno século XXI, estamos tendo o primeiro filme de super-heroína do universo Marvel. Detalhe: tudo antes das mesmas pessoas terem assistido o filme.
E infelizmente, não é somente o filme dela que passou por tudo isso. Em 2017, "Mulher-Maravilha" passou por situações semelhantes (inclusive com a escolha pela Gal Gadot) - leia aqui; "Star Wars: O Despertar da Força" também passou por algo semelhante (e aí ocorreu tanto com a Daisy Ridley como com o John Boyega - leiam aqui e aqui) e no filme seguinte, "Os Últimos Jedi", com a Kelly Marie Tran - leia aquiaqui e assista aqui; "Mad Max: Estrada da Fúria" teve algo parecido com a Charlize Theron - leia aqui e aqui; e ano passado, tivemos isso com "Pantera Negra" - leia aqui. Os  ditos fãs não conseguem aceitar que qualquer pessoa, seja o seu gênero, a sua raça ou a sua sexualidade, pode ser protagonista da sua própria história. É difícil ver que em pleno ano de 2019 isso ainda ocorre.
E estou falando de tudo isso pois, além de ser muito importante e problemático, afeta muito os telespectadores (e também futuras produções). Ao mesmo tempo em que estava cheia de expectativas com o filme, pois provavelmente ela seria o super-herói mais poderoso dentro dos Vingadores e até mesmo dos vilões. Mas ao mesmo tempo, por causa de diversos comentários e críticas que li (várias positivas, mas uma grande parcela negativas e nem precisa ser muito atento para enxergar o machismo em diversas falas), estava com um pouco de receio do filme ser ruim ou decepcionante. Inclusive li vários comentários falando que esse era o pior filme da Marvel (?). Por favor, vocês esqueceram de "Homem-de-Ferro 3"? Ou mesmo os filmes do Thor, que não são muito melhores do que esse...
Isso não quer dizer que o filme é as mil maravilhas, mas vir com pedras na mão só porque você está incomodado em ver uma mulher fodona ganhando as telas é de um machismo gigantesco (e não estou falando só de homens...).
Depois desse meu "pequeno" desabafo, agora posso comentar o que achei do filme.
Primeiro ponto: achei a atuação da Brie Larson muito boa. Para mim, pelo menos, achei ela muito à vontade no papel e acredito que só tende a melhorar. A relação dela com o Samuel L. Jackson funciona muito bem - a amizade deles pessoais passa para a tela.
Segundo ponto: achei a trama bem redondinha. Explica bem porque o Nick Fury só chamou ela na cena pós-crédito de Guerra Infinta e aonde ela estava durante todos os filmes da Marvel. Além de mostrar como ela conseguiu os poderes, o porque ela é tão forte. Além de várias pontas que não sabíamos que precisávamos.
Para mim, o ponto mais fraco é o vilão. Achei bem fraco (na verdade, quase inexistente) e acho que a trama perde um pouco de força por causa disso. A Capitã Marvel acaba não tendo muito desafio e entendo que o principal deve ser apresentado no Ultimato, mas acredito que os diretores poderiam ter criado um vilão que pelo menos fizesse alguma cócega nela. E isso é um ponto importante e que já aconteceu antes, pois a pior parte de Mulher-Maravilha é o final, onde nos é apresentado o vilão e temos a principal luta.
Achei que o filme consegue passar um empoderamento importante, mas sem ser gritante ou exagerado -  na verdade, até gostei de como eles fizeram. Me pareceu bem natural. No entanto, em nenhum momento houve aquela cena que os pelos do braço se arrepiam e só queremos levantar da cadeira e gritar, como ocorreu comigo em MM (aquela cena na Terra de Ninguém é espetacular!). Fico um pouco triste, mas não é nada que estrague.
Já que estou nesse momento comparando alguns pontos dos dois filmes, quero comentar que acho Capitã Marvel mais completo, mas gosto mais de Mulher-Maravilha. Ele mexeu muito mais comigo.
Obviamente não é o melhor filme do estúdio - até porque temos Guerra Infinta e Pantera Negra, que são bem melhores -, mas está longe de ser o pior. Para o meu gosto, ele é bem melhor que Homem-de-Ferro 3 e dos três filmes do Thor.
Acho que o roteiro consegue equilibrar bem o humor com o drama, mas os efeitos visuais não são os melhores. A ambientação nos anos 90 ajuda muito. Tanto com as referências, com as músicas e principalmente com o visual.
Uma questão que achei interessantíssima é a "falta" de romance do filme. toda história de super-herói tem que ter o amor que vai despertar toda a força do herói: Superman, Mulher-Maravilha, Lanterna Verde, Homem-de-Ferro, Capitão América, Homem-Aranha, Feiticeira Escarlate e Visão, Homem-Formiga e Vespa, Thor e possivelmente algum outro que esqueci. Aqui nem há vislumbre de algo parecido e achei maravilhoso. Ponto para o filme!
Não dou notas, mas se fosse dar, daria um 7. Acho um bom filme para apresentar uma heroína que ainda vamos ver muito e ainda consegue nos divertir. Mesmo com todos os problemas que ele teve antes mesmo de sair, acho que a produção deve se dar bem nas bilheterias (na verdade, já está dando, como vocês podem ler aqui).
Para finalizar, preciso comentar o quão feliz eu fico ao ver várias mulheres e crianças usando camisas com o uniforme da Capitã Marvel ou felizes por verem uma mulher que é extremamente forte, dizendo que mesmo que a gente caia, sempre podemos nos levantar!
Que seja só o começo de Mulheres-Maravilhas e Capitãs Marvel (ou Carol Danvers, pois antes de ser uma heroína, ela é humana, portanto sujeita a erros e acertos!).

Espero que tenham gostado da minha gigantesca crítica e digam se já assistiriam e o que acharam. Quero saber a opiniões de vocês, sejam positivas ou negativas, mas sempre com respeito.

Até Vingadores: Ultimato!

18 comentários


  1. Gostei muito da sua opinião.. Foi honesta. Você gostou do filme e isso que importa.. Capitã Marvel com certeza vai ter desafios cabulosos.. E acho que começa a trama dela um pouco morna é bom em alguns pontos..
    Quero assistir logo..
    Quando ao preconceito de alguns sites, cara eu nem falo nada dessas coisas.. É um absurdo esse tipo de critica.. Da bunda dela quando li fiquei bem chocada.. Como se isso fosse necessário.. Atuação que vale e deu..

    ResponderExcluir
  2. Quero muito ver o filme e não costumo me ater as criticas negativas que vejo, aí que assisto mesmo, de birra, pra ver se é isso mesmo que estão falando. Me animou saber que o filme é melhor que os do Thor ou mesmo Homem de Ferro e assim como você, achei maravilhoso o filme não destacar nenhum romance para a heroína, é um importante passo para filmes com protagonistas femininas. Quero muito conferir.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Tudo bem?
    Alguns filmes da Marvel eu fico doida para assistir, outros nem tanto.
    Mas esse eu quero ver com minha filha, espero que em breve.

    Adorei saber sua opinião.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Carol!
    Tenho acompanhado toda a polêmica que cerca esse filme e realmente é bem cansativo ter que ficar aguentando a reclamação dos caras que não podem ver um filme de herói com protagonista mulher sem botar defeito e querer sexualizar a personagem ao máximo. Sinceramenete não sou muito fã de super-heróis, são poucos que eu gosto, e por causa disso não estava muito animada para ver esse filme. Não por causa da atriz, mas por causa da heroína mesmo. Porém depois de toda essa polêmica, é capaz que eu assista. Entretanto, um filme que estou aguardando com muita expectativa é o da Fênix Negra, pois amo a Jean Grey. <3 Espero que ele não tenha problemas desse tipo também. Gostei muito do seu post e concordo com toda a sua crítica ao machismo referente ao filme. Beijos!

    Jéssica Martins
    castelodoimaginario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Sempre torci para que o DeadPool fosse o salvador do mundo e botasse todos os Vingadores no bolso. Mas fiquei muito feliz quando chamaram a Capitã Marvel, que aliás eu nem sabia que existia, nunca deram publicidade a ela para nós meros mortais que não acompanham as HQs. A sacada da Marvel foi genial. Parabéns pela crítica sem spoiller :)

    ResponderExcluir
  6. Oi! Primeiro, parabéns pela análise! Você falou muito bem e falou muitas coisas que eu gostaria de ter tido para os fanboys machistas e racistas espalhados por aí. Obrigada! Quanto ao filme, eu já tinha sensação que as críticas eram somente por ser o primeiro filme de super herói, no caso, heroína, da Marvel. Estou muito ansiosa pra assistir, e acredito que não vou me decepcionar não, vou ficar é mais doida pelo Vingadores Ultimato. Obrigada pela resenha!


    Bjoxx ~ Aline ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  7. Eu amei o filme, e mal posso esperar para ver a heroína em Ultimato. Acho que foi um excelente filme para mostrar todo girl power! ♥ E a atriz é excelente, eu gosto dela deste a série da Tara.
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Só ando lendo críticas e resenhas positivas sobre esse filme, o que me deixou bem curioso para querer assisti-lo. Espero fazer isso o mais rápido possível.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Não sou muito ligada em super-heróis mas as vezes gosto de assistir por entretenimento mesmo.
    Tenho visto muito sobre essa personagem e o filme me chama atenção.
    Espero gostar dessa nova heroína.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  10. Oi, gostei muito de conferir suas considerações sobre o filme. Acho absurdo ver gente criticante a personagem antes mesmo de a produção estrear usando pensamentos machistas. Eu acho super importante termos mais super heroínas.

    ResponderExcluir
  11. Olá, Carol!

    Eu vi as polêmicas. Embora nem seja de assistir filmes foi impossível não perceber o forte machismo que se manifestou com força antes mesmo da estreia do filme e isso é horrível. :(

    Como eu disse, não sou de assistir filmes (me falta tempo!) e quase não vi nada da Marvel. Às vezes penso em tentar ver algo, mas parece que todos estes filmes são interligados e aí fico perdida.kkkkkk... Teria que separar um bom tempo para me situar e assistir cada filme com tranquilidade.

    Lamento que o filme não tenha sido tudo o que você deseja, mas fico feliz que ainda assim tenha te agradado e que tenha valido a pena. Eu tenho visto o sucesso de bilheteria dele e mesmo não conhecendo a história profundamente nem nada fico orgulhosa de saber que esta heroína conseguiu passar por cima do machismo e tornar o filme muito bem recebido pelo público.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Eu confesso que não sou a louca dos filmes de hérois, mas desde que ouvi falar da Capitã Marvel minha curiosidade anda aflorada, e sua resenha só contruiu para minha curiosidade... Espero poder ver o filme em breve e gostar tanto quanto você gostou.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bom?
    Sua opinião define exatamente o que senti antes e depois de assistir o filme. Esse machismo todo que confrontou o filme antes do lançamento foi algo bizarro e ver a forma como as pessoas se sentem ofendidas ao ver uma mulher fodona salvando o dia em um filme de herói é bizarro.
    Quanto ao filme em si, também achei que o mesmo pecou em relação ao vilão e que faltou sim uma cena para deixar a gente de cabelo em pé e frenéticos no cinema. No entanto, este está realmente longe de ser o pior filme da Marvel! rs
    Adorei demais seus comentários sobre o filme ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não li as críticas antes de assistir esse filme, porque eu já imaginava que teria o mesmo tipo de boicote preconceituoso e ridículo que outros filmes como os que você citou sofreram. Dito isso, apesar de não ser o meu favorito da Marvel, eu gostei bastante do filme. Acho a Brie Larson uma atriz sensacional e gostei muito dela no papel. Além disso, é uma personagem muito empoderada e confesso que, ao contrário de você, eu fiquei arrepiada com ela em alguns momentos e acho que é a personagem feminina que eu sempre quis ver nos filmes de heróis. Concordo que o vilão é fraco mesmo, mas a maioria dos vilões da Marvel são (tirando meu queridinho Loki, o Thanos e o do Pantera Negra, que não vi).
    Mas ainda tenho um comentário polêmico: gostei mais de Capitã Marvel do que Vingadores 3 hahaha. Eu tinha expectativas gigantes para Vingadores 3, porque todo mundo falou que era impactante e emocionante. Eu só fiquei chocada com a cena do Loki, mas o final em si teve impacto zero pra mim, porque todo mundo sabe que o que aconteceu será revertido no próximo.
    Enfim, gostei muito de Capitã Marvel e estou ansiosa para ver ela dando uma surra no Thanos hahaha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Ola, tudo bem?

    Sou completamente doida pelos filmes da Marvel, não tive a oportunidade ainda de assistir esse filme e estou amando as coisas que escuto sobre ele por ai. Acho que esse livro marca um grande inicio de uma nova era para a franquia.
    Adorei a sua resenha e principalmente a sua sinceridade. Ao final, o que mais importa é que você gostou do filme.

    beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá Carol!!!
    Eu ainda não vi Capitã Marvel mas quero, pois mesmo com as críticas que surgiu acerca da mesma acho a história dela incrível.
    Eu vi os trailers e fiquei muito empolgada, mas as pessoas apontaram mesmo que ele é um dos filmes fracos da Marvel.
    E que bom que a atriz está bem no papel e espero que ela cresça mais no mesmo.
    Adorei a crítica cinematográfica!!!

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Eu gostaria i bastante do filme, achei a tema bem r do da também. O vilão não me incomodou tanto, estava mais focada no crescimento de seus ideais e convicções mas meu esposo também achou o vilão bem fraco. Eu amei a atuação de Brie, particularmente.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Se tem uma coisa que não me chama a atenção são os filmes da Marvel, ou filmes de super heróis em geral, não sei porque mas não me atrai, mas acho maior barato as pessoas que são fãs mesmo sabe, que sentam na rodinha e ficam horas e horas discutindo sobre os personagens, sobre cada detalhes, isso é algo ótimo e aproxima as pessoas né? Mas eu não gosto muito desses filmes, que bom que gostou!

    beijos!

    ResponderExcluir